Entenda o que é diluição em startup e sua importância!

4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Diluição em startup significa que o percentual de participação de um sócio ficou menor dentro da sociedade. Quando se trata de empresas em desenvolvimento, como startups, a diluição costuma ocorrer quando o capital social aumenta e um algum sócio não consegue acompanhar esse investimento mais alto.

Aparentemente pode ser uma coisa ruim, mas nem sempre é assim. Mesmo que a participação de um sócio diminua, o valor de mercado dessa participação pode permanecer o mesmo. E os novos recursos captados gerarão caixa para a startup, contribuindo para sua expansão. Neste artigo, mostraremos mais detalhes sobre a diluição em startup. Acompanhe!

Como uma diluição em startup pode prejudicar os envolvidos?

A prática quando bem-feita é benéfica para todos os que estão envolvidos. Por outro lado, a diluição em startup pode causar a desvalorização da participação de um acionista na sociedade.

Principalmente nas sociedades limitadas, a porcentagem de participação representa poder de voto. Dessa maneira, o poder de controle permite tomar decisões na gestão da startup — e tem um valor que vai além da soma das cotas de determinado acionista.

É importante saber que um valor suficiente para retirar o controle da empresa de um determinado sócio faz com que o total de sua participação fique menor. Vale dizer que muitas das startups do mercado requerem determinada quantidade de participação e poder, levando à dissolução dos fundadores.

É conveniente que um investidor renomado entre na sociedade para tornar mais fácil a escalabilidade de uma startup, principalmente para levantar rodadas futuras. Portanto, há diluições indesejáveis. Mas, na rotina de uma startup em processo de expansão, a diluição pode ser considerada como parte de um processo de investimento importante.

O que é Cap Table?

Cap Table é uma abreviação para Capitalization Table — ou “Tabela de Capitalização”. Nessa tabela, estão registrados os percentuais de participação real de cada sócio dentro da startup. Embora sejam simples, essas tabelas costumam se tornar um assunto mais complicado à medida que as rodadas de investimentos se tornam mais recorrentes.

Logo, o Cap Table é um modelo de negócio que favorece uma gestão mais colaborativa. A sua finalidade é manter uma transparência nos processos de negociação perante os investidores. Também serve para facilitar simulações a fim de avaliar os potenciais resultados de um possível investimento.

Como montar um Startup Cap Table eficiente?

Basta construir uma tabela e colocar os nomes dos sócios e sua participação efetiva no negócio. Essa tabela permite que cada integrante da sociedade saiba quais seus direitos e deveres, proporcionalmente ao capital investido. Assim, todos podem consultar as informações em qualquer tempo, além de solicitar correções.

O passo inicial é registrar as informações da empresa no cabeçalho. Depois, convém registrar qual o investimento total realizado na startup e qual é a aplicação feita em cada uma das etapas do ciclo de expansão.

Em uma folha à parte, registre os nomes dos investidores conforme a fase em que eles fizeram o investimento — dos fundadores, primeiramente, e dos colaboradores da segunda etapa. Na tabela, reúna-os na primeira coluna de acordo com a divisão já citada. Também é preciso criar uma coluna para o investimento líquido de cada sócio e fazer uma terceira com o percentual desse investimento em relação ao total.

Nas colunas seguintes, dividem-se as ações em preferenciais nominativas ou ordinárias nominativas. Nesse caso, a parcela de cada acionista em cada uma delas deve ser registrada se a startup optou pelo modelo de Sociedade Anônima (S.A.).

Em outro caso, se não for S.A., exponha qual a divisão adotada. Desse modo, um acionista sem direito de decidir não poderá interferir nas decisões da gestão. Entretanto, é fundamental que a Startup Cap Table seja elaborada por toda a equipe. Assim, as possíveis dissensões serão apresentadas no momento ideal.

O Cap Table concentra informações como as garantias do negócio e o percentual de diluição em startup. Daí a importância de redigir essa tabela para saber aproveitar as vantagens de uma diluição e minimizar os eventuais problemas dela advindos.

Se você acha que este post foi importante para você, ele também pode esclarecer outros empreendedores. Então, não deixe de compartilhá-lo nas redes sociais!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-